quarta-feira, 26 de setembro de 2012



Sempre vale a pena esperar o tempo de Deus. Eu sou prova disso.

O dia 1 de janeiro de 2008 foi um dia muito especial para mim. Sim, a partir da 00h00 daquele dia eu reatava um namoro com aquele que viria a ser o meu esposo. Nesse exato momento estávamos na igreja, orando, esperando o novo de Deus para nós.
No final de 2003 nos conhecemos, no início de 2004 começamos a namorar, ele teve que morar em outra cidade e 6 meses depois tivemos que terminar, pois entendemos que a distância para dois jovens era algo difícil.

Nos conhecemos em um evento da igreja, mas ele não era cristão. Eu tinha esperanças que ao meu lado, ele viesse a ser, mas não aconteceu. Quando ele voltou a morar na minha cidade, em 2006, ele me procurou, mas eu estava comprometida.

O sentimento entre nós não havia morrido, estava apenas adormecido, então, estando solteira, eu o procurei, e ele é quem estava comprometido.  Houve a possibilidade de ficarmos juntos outra vez, mas algo nos impediu. Ele tinha objetivos diferentes dos meus. Meu objetivo principal era servir ao Senhor com todo o meu viver, e ele tocava em uma banda, que era seu sonho de criança, que estava se tornando conhecida. Nunca iria dar certo. E, ainda que o nosso amor fosse imenso, o meu amor por Jesus era maior.

Seguimos separados até o final 2007, cada qual com sua história, cada qual com seus relacionamentos, até que ficamos solteiros quase que no mesmo dia, sem nem imaginarmos. Acidentalmente entramos em contato, e instantaneamente reatamos o nosso amor, mas só no dia 1º de janeiro voltamos a namorar.

Deus havia preparado tudo. Quando reatamos, ele decidiu que abandonaria a banda em que tocava. Quando reatamos, ele decidiu servir ao Senhor. Nos amávamos e queríamos casar. Mas para casar, precisamos ao menos, ter condições de pagarmos as contas e ele não havia conseguido trabalho.  Até que o casamento acontecesse a luta da abstinência sexual foi algo muito doloroso, mas que em Cristo, foi vencida. 

Se não me falha a memória, no dia 31 de janeiro ele recebeu a notícia de que trabalharia de carteira assinada. No dia 01 de fevereiro fomos ao fórum providenciar os papéis para o casamento. Não tínhamos um prato sequer, e no dia 11 de abril, data do nosso casamento, tínhamos até casa própria. 

Deus vai querer prova de quem está em primeiro lugar na sua vida. Que Ele seja o grande vencedor. Quando Ele vence, vencemos todos com Ele.

Por Ana Marta Cerqueira, Colunista d'O (In)dizível.

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons