Archive for Setembro 2013

Do luto à luta

“E chamando a si a multidão, com os seus discípulos, disse-lhes: Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz, e siga-me.“ Marcos 8:34
Assim como uma casa que virou pó pode ser reconstruída, nós podemos renascer. Renascimento suscita a ideia de uma nova vida, um novo jeito de ser, um novo caráter e mentalidade, e ao mesmo tempo indica um momento de perdas. Perdas de alguns valores, hábitos, crenças, de aspectos de um “eu” que durante muito tempo foi a nossa roupa mais confortável, mas que já não nos serve, ficou apertada; para passar a buscar outra mais semelhante a quem estou buscando ser.

Pensando por essa via, percebi que o desenvolvimento de uma nova pessoa em nós sinaliza um processo de luto por um eu que se vai. Na psicologia, o processo de elaboração do luto divide- se didaticamente em algumas fases: a negação, a raiva, a barganha e a aceitação.

 Do mesmo modo que nos questionamos quando perdemos alguém, é possível que aconteça no processo de batismo cristão, onde somos chamados para uma nova vida (#Romanos6:4):

"Não! Como assim fulano morreu? O que aconteceu? Ele(a) era uma pessoa tão boa! - Por que tenho que morrer? Eu sou tão gente boa!"

Nos negamos a deixar esse eu tão “legal” já conhecido, por receio de encarar uma nova era, que vai se revelando dia após dia à "...a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito” Provérbios 4:18.

Em outra fase do luto, nos enraivecemos contra o mundo visível, o invisível, algumas pessoas e coisas, afinal é tão difícil deixar ir essa pessoa que tanto amamos, é tão doído às vezes. No entanto, pela fé ela já está morta, já se foi. Por que ainda ficamos apegados à imagem dela? Como o novo irá surgir se o velho não morrer? à “Porque, qualquer que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á; mas qualquer que, por amor de mim, perder a sua vida, a salvará” Lucas 9:24.

Também tentamos barganhar buscando mostrar em obras e palavras que somos merecedores de algo; negociar com Deus e com nós mesmos para simplesmente parecer ser uma nova pessoa ao invés de ser, e nesse estado também não percebemos ainda que é preciso renascer para ver o reino de Deus à “Jesus respondeu, e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus” João 3:3 à “Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo” Romanos 14:17.


       Nós passamos (ou alguns de nós) por essas fases até chegar à fase de aceitação da perda, e percebermos em verdade que é preciso deixar para trás o “eu carnal” e avançar para Cristo, para enfim dizermos: “Já estou crucificado com Cristo; e vivo não mais eu, mas Cristo vive em mim;”  Gálatas 2:20a. E nisto devemos perseverar, buscando todos os dias morrer para que a vida de Cristo seja revelada continuamente em nossas vidas. Deus nos abençoe!

Por Bárbara Uinan
segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Eu Escolhi Esperar ♫ - Lincoln Borges

Post 150 \o/

A música de hoje eu ouvi pela primeira vez ao vivo (desculpa ha!), na voz do compositor todo-abençoado Lincoln Borges. Ela foi escolhida pra hoje, nossa 2ª post do #fridaysong, porque fala daquele momento em que esperar se torna difícil, que as dúvidas vêm, mas logo em seguida a fé de que essa é a escolha certa e vai valer a pena. Solta o som!


Eu escolhi esperar
Parece que espero coisas que nunca acontecem
E logo em meu coração os medos aparecem
Será que existe ou não? E surge essa dúvida então
Se realmente vale a pena em Cristo esperar...
Preciso entender que há um tempo para se cumprir
E todas essas coisas hoje entrego para Ti
A fé vai além da razão, prossigo com Jesus então ,
E Ele é quem sabe o que é melhor para mim
Eu escolhi esperar, escolhi esperar
Em Deus, em Deus...
Foi bem nesse dia que eu ouvi, hahaha
Eu escolhi esperar, escolhi esperar
Em Deus, em Deus...
Preciso entender que há um tempo para se cumprir
E todas essas coisas hoje entrego para ti
A fé vai alem da razão
Prossigo com Jesus então
Porque que Ele é quem sabe o que é melhor para mim
Eu escolhi esperar, escolhi esperar
Em Deus, em Deus...
Eu escolhi esperar, escolhi esperar
Em Deus, em Deus...
Não me importo se as pessoas zombam da minha decisão
Ninguém nunca me obrigou a escolher esta opção
Eu escolhi por amor, não por agradar aos outros
Não me vendo pra este mundo, muito menos por tão pouco...
Eu escolhi esperar, escolhi esperar
Em Deus, em Deus...
Eu escolhi esperar, escolhi esperar
Em Deus, em Deus...


Bom fds!

Iky =D
sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Entrevista com Patrícia Geiger (Autora do livro "Eu escolhi esperar, e agora?")


Entrevista com Patrícia Geiger, colunista dos sites Não Morda a Maçã e Eu Escolhi Esperar. Autora do blog Ideias no Forno e do livro Eu escolhi esperar, e agora? 

Patrícia não hesitou em nos conceder essa entrevista. Obrigada, princesa! Agora vamos lá!

WS: Patrícia, quando e como foi que você tomou a decisão de escolher esperar?
Patrícia Geiger: Essa á uma das histórias que eu conto no meu livro, por isso, leia! Haha. Quando eu tinha uns 13 anos e estava na escola, percebi que eu era a única menina da minha sala que ainda não tinha ficado com ninguém. Eu queria muito ficar com um menino, beijar, enfim, poder ser igual a todo mundo. Mas foi nessa época em que a minha líder de adolescentes fez um acampadentro para as meninas e ela ministrou com base no livro “Eu disse adeus ao namoro” e ela nos contou sobre sua decisão de esperar em Deus pelo momento certo e pelo cara certo, ela queria esperar pela vontade de Deus. Nesse dia, eu tomei a decisão de esperar também.

WS: E seu envolvimento com o movimento Eu Escolhi Esperar e o Não Morda A Maçã, como aconteceu?
Patrícia Geiger: Tudo começou com o Não Morda a Maçã, em 2009. Por volta de junho, eu conheci o blog e gostei muito, comecei a ler tudo que estava ali. Em agosto, o Fernando (criador do NMM) lançou a “caça ao colunista”. Como eu já gostava de escrever, eu orei e me inscrevi para tentar ser colunista. Passei no teste e pra mim, isso foi e é presente na minha vida.

WS: E a respeito de seu livro, qual a história dele? Você já o planejava?
Patrícia Geiger: Sempre amei ler; meus pais incentivaram o hábito da leitura e já há muitos anos eu tenho vontade de escrever um livro, então, deixei nas mãos de Deus. Acabei fazendo faculdade de Letras e foi onde minha paixão por escrever despertou ainda mais. E durante a faculdade, eu tive a ideia e o tema para o meu livro, mas como eu achava uma coisa tão longe de acontecer, nem me preocupei. Eu orava sobre isso e sabia que Deus faria isso na minha vida na hora certa. Eu só não imaginava que seria tão rápido. rs.

WS: Pati, para você como é essa experiência de saber que os textos que Deus tem te dado têm edificado tantos jovens?
Patrícia Geiger: Eu nem tenho palavras para descrever o que é receber tantos e-mails, mensagens, tweets, comentários e etc, de pessoas me falando o quanto Deus abençoou a vida de alguém, através de um texto meu. As vezes eu escrevo um post e o acho tão sem graça, mas Deus sempre me surpreende, usando esse texto para edificar outras vidas.  É um carinho sem explicação, o quanto eu sou edificada quando recebo palavras de apoio. É gratificante.

WS: Qual a maior dificuldade pra um solteiro que decide viver um relacionamento somente sob a direção de Deus em sua opinião?
Patrícia Geiger: Tem muitas coisas que podem desanimar um jovem cristão, enquanto ele espera. E uma das coisas que eu mais vejo acontecendo é quando o jovem cristão vê todos seus amigos na igreja se casando, mas parece que nunca chega a sua vez. As tentações do mundo, também são fortes. Porque, se um jovem está firme no propósito de esperar o tempo de Deus para um relacionamento, é claro que o inimigo vai querer derrubar esse jovem, oferecendo mil tentações. Por isso a importância de se manter firme, orando, meditando na Palavra todo dia e confiando no tempo e na vontade de Deus.

WS: Você é linda, inteligente e bastante conhecida pelos seus trabalhos. Com certeza não faltam pretendentes. Qual o segredo para fugir das tentações e fazer a escolha certa?
Patrícia Geiger: Hahaha. Obrigada. É complicado, porque tem cara que lê o que eu escrevo e acham que eu sou “super espiritual” e acham que eu sou a mulher da vida deles. Só por ler um texto meu. Não sabem nem a minha cor preferida. Eu tenho mantido meu coração bem firme em Deus. Mas vou dar uma dica aos homens de Deus: nenhuma menina gosta de papinho que começa com “oi benção, oi princesa do Senhor.” A mulher quer que o homem conheça seu coração, o que gosta, o que não gosta. Ninguém deveria procurar outra pessoa, para que essa lhe ajude com seus problemas espirituais, para que essa pessoa seja uma mediadora entre ela e Deus. Jesus é esse mediador. Não procure alguém para te preencher, te completar, mas sim, seja você o que tem algo a oferecer para a pessoa. Tem cristão que quer namorar só para fugir da carência, só para não ser motivo de piada. Que amor egoísta é esse. Não se pergunte o que a outra pessoa pode te oferecer, mas se preocupe com o que você pode oferecer.

WS: Em algum momento você pensou em desistir de esperar? Caso sim, como você venceu o momento de fraqueza?
Patrícia Geiger: Ah sim. Claro que já pensei. Tem momentos que são muito difíceis, principalmente quando vejo amigas mais novas se casando, ou todo mundo ao meu redor namorando, casando, tendo filhos e minha vida parecendo parada. Mas tenho me focado na área profissional da minha vida, comecei uma pós-graduação e tenho me dedicado ao meu trabalho. Também, me dedico aos meus ministérios. Nos dias difíceis, eu peço pra alguma amiga orar por mim, corro pra Deus, comigo, corro pra Palavra dEle,  choro na presença dEle e sempre, de alguma forma maravilhosa, Ele me carrega no colo e fala comigo.

WS: Muito obrigada por sua disponibilidade!  Abs e Paz do Senhor Jesus da equipe do @WorkshopDeSolteiros!
 Patrícia Geiger: Muito obrigada pelo carinho!
Agradeço o convite!


Para adquirir o livro de Patrícia Geiger visite a loja virtual do Eu Escolhi Esperar

Leia os textos de Patrícia:
Blog pessoal: Ideias no Forno
domingo, 22 de setembro de 2013

Pra Sempre #musicadesexta #fridaysong

A partir de agora, toda sexta-feira (ou quase todas, rsrs) vamos compartilhar com vocês uma boa música romântica cristã #musicadesexta. Vamos compartilhando o que acharmos e claro, aceitamos indicações! ;)

E pra começar, uma música que é a nossa cara, composição e voz do todo-abençoado irmão Thiago Grulha, futuro esposo da toda-abençoada Ariane Gonçalves:



Pra Sempre (Thiago Grulha)


Eu disse sim mas não disse agora
Eu disse quero mas em outra hora
Deixa eu te conhecer
Me diga quem é você
O teu olhar me desmonta inteiro
E o teu sorriso é o sol verdadeiro
Deixa eu te conhecer
Me diga quem é você
Quero um amor que resista o tempo
Uma verdade pra abraçar pra sempre
Caminhada de bons sentimentos
Coração que me entende
Eu quero colo, eu quero carinho
Meu carinho eu quero te dar
Já andei muito tempo sozinho
Por favor, deixa eu te encontrar
A tua voz não sai da minha mente
E o meu desejo é seguir em frente
Deixa eu te conhecer
Me diga quem é você
A nossa história pode ser tão bela
Até os anjos vão sonhar com ela
Deixa eu te conhecer
Me diga quem é você
Quero um amor que resista o tempo
Uma verdade pra abraçar pra sempre
Caminhada de bons sentimentos
Coração que me entende
Eu quero colo, eu quero carinho
Meu carinho eu quero te dar
Já andei muito tempo sozinho
Por favor, deixa eu te encontrar
Por favor, vem me encontrar
O amor quer nos encontrar


sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Workshop de Solteiros³ - Templos do Espírito Santo #santificação

Mesmo após muitos anos que os primeiros judeus haviam regressado de Babilônia, ainda havia muitos do povo de Deus exilados. Então Deus usou o rei Artaxerxes (nome grego de Assuero, o esposo de Ester) para enviar Esdras e muitos homens de volta para levarem ofertas a Deus, lhe concedendo tudo o que pediram #Ed7.1, 21.

O coração de Esdras estava em Deus e na sua lei #Ed7.10, 25. Embora ele tenha levado aquele povo de volta, o grande chamado de Esdras, no entanto, estava na restauração da Lei do Senhor no coração do povo. Os capítulos 9 e 10 do livro, nos contam da dura separação entre o povo de Deus e o pecado. Muitos no meio do povo de Deus tinham se aliançado com mulheres dos povos que habitavam naquela terra e se corrompido com suas práticas #Ed9.1-2, o que era proibido por Deus #Ex34.12-16.

Quando lemos essa passagem, vem logo em nossa mente o jugo desigual. É clara a recomendação para que não nos prendamos a ele. Às vezes não é necessário namorar ou casar com “mundanos” para estarmos em jugo desigual. Nossos diversos relacionamentos, nossas práticas diárias, nos levam a absorvermos costumes, hábitos desse mundo, seus modos de pensar e agir, os quais Deus abomina. Quanto a isso, Paulo diz: “E não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso entendimento.” #Rm12.2

A santificação do templo nunca é um processo fácil, é doloroso. É assim com o barro, é assim com o ouro. Não foi diferente com os remanescentes de Israel. O coração de Esdras se entristeceu e ele envergonhou-se profundamente por causa de seu pecado. Então convocou o povo e eles tiveram que dispensar mulheres e filhos conforme a Lei, o que foi feito em comum acordo. #Ed 10.11, 12, 19). Não é tarde para deixar o pecado. Talvez custe a você abrir mão de seu pecado ou daquilo que lhe faz pecar. Talvez seja algo com que você acostumou a praticar, a que você apegou ou até já ignora. Deixa Deus falar com você, deixa Ele santificar o Seu templo.


Adúlteros e adúlteras, não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus. Ou cuidais vós que em vão diz a Escritura: O Espírito que em nós habita tem ciúmes? Antes, ele dá maior graça. Portanto diz: Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes. Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós. Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós. Alimpai as mãos, pecadores; e, vós de duplo ânimo, purificai os corações. Senti as vossas misérias, e lamentai e chorai; converta-se o vosso riso em pranto, e o vosso gozo em tristeza. Humilhai-vos perante o Senhor, e ele vos exaltará. #Tg4.4-10

Ósculos santos e até domingo,

Iky Fonseca
quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Happy birthday!!!


 ♫ Happy Birthday to you

 Happy Birthday to you ♫ 

Em um ano são mais de 140 postagens e mais de 14.000 visualizações de página! Como eu me sinto?

Sabe quando você faz uma comida com todo amor e carinho, e alguém experimenta e diz, Hum... Que delícia!

É bem parecido com que eu estou sentido. Hoje é uma edificação, mas quando Iky me falou do blog comecei cavando buracos para colocar os alicerces. Para mim é uma honra participar desse projeto, glórias dou a Deus por essa oportunidade de participar do Workshop de Solteiros.

São muitas PEQUENAS conquistas, que para a gente são motivo de imensas alegrias. Como estamos falando de aniversário vou falar um pouco da história do blog e como surgiu.

Bem, o blog derivou do projeto em nossa igreja local. Deus incomodou a mentora do projeto para fazer esse evento porque surgiu uma grande necessidade de explorar esse assunto de relacionamentos, devido a vários jovens que não sabiam e não tinha espaço para expor suas ideias e fazer perguntas. O projeto foi muito lindo! Porque vimos à necessidade de começar um relacionamento abençoado, com base nos princípios bíblicos, já que a falta desses princípios e a má escolha d@ parceir@ acaba resultando em futuros divórcios, e sabemos que isso não procede da vontade do Senhor. A primeira edição foi só com os jovens da nossa congregação. Vimos que era possível abrir o projeto e convidar outros jovens de outras denominações para a segunda edição, e aí surge o blog! Por chamar outros jovens na nossa segunda edição, e por saber que alguns moravam distante ou até em outras cidades, o blog nasce. Como local de inscrições online, links de páginas, e textos, logo depois do Work 2   o blog permaneceu, e a cada dia são mais visualizações! Glórias a Deus!

Pode parecer pouco, mas quando penso no blog a única coisa que chega aos meus pensamentos é:

Estamos edificando vidas! Estamos cumprindo o nosso propósito aqui na Terra! #Is61.4

Fico feliz porque Deus nos edifica também, Ele cuida de nós de uma forma extraordinária! Quando nós (colunistas) lemos um texto novo ou simplesmente passamos por uma situação inusitada para escrever a resposta da oração de alguém... Essas situações são momentos únicos! Espero que venham longos anos e que eu possa permanecer sempre com vocês, porque eu realmente amo fazer a vontade de Deus, ainda mais quando ele fala para escrever para vocês! É impressionante, aquele momento que já estou deitada e vem um texto completo, ou então quando estou andando na rua e tenho q parar e escrever, loucuras de quem escreve rs.

Nações alcançadas!
Днем Народження (dnem narozhdzhennia) (Ucrânia)
happy birthday (EUA)
feliz cumpleaños (México)
joyeux anniversaire (Suíça)
Herzlichen Glückwunsch zum Geburtstag (Alemanha)
Feliz Aniversário (Angola)
祝你生日快 (China)
お誕生日おめでとう (Japão)
생일 축하! (Correia do Sul)

Para terminar, o blog completa um aninho de vida deixando de ser blog rs
 Agora somos um site!

Por Isabelly Santos
segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Workshop de Solteiros³ - Templos do Espírito Santo #edificação


A etapa da edificação era pra mim o grande mistério desse Work³. É porque Deus fala as coisas, mas vai revelando aos pouquinhos seus segredos. O que viria a ser a edificação em nosso contexto? Então o Senhor me levou de volta pela enésima vez aos profetas menores, especificamente a Ageu. Como vimos semana passada, Deus chamou a Zorobabel e Josua para edificarem a casa do Senhor. Muitos inimigos se levantaram contra essa obra #Ed4, e já haviam decorrido quase 20 anos que ela havia se iniciado, porém estava parada. Então Deus levantou seus profetas, dentre eles, Ageu.

O livro de Ageu é muito conhecido por falar da revolta de Deus, pois os homens cuidavam de suas casas, mas a Casa de Deus estava abandonada. Ao invés de reinvidicar o decreto do rei Ciro para a continuação da edificação do templo, disseram que não era o tempo de construir. Muitas vezes também deixamos de fazer a vontade de Deus, para seguir a nossa própria. Então focamos em nossos sonhos, necessidades, conquistas, vontades e nada daquilo nos sacia. Talvez você já tenha um relacionamento sério, mas isso não te sacia. Um bom emprego, mas não te sacia. Por quê? A resposta está em #Ag1.6,9. Era o início da vitória para o remanescente de Israel, mas ele estava longe da vontade de Deus.

Então o Senhor levanta profeticamente Ageu para pregar contra aquele povo e escolhe a Zorobabel como seu “anel de selar” #Ag2.23, aquele que irá cumprir a sua vontade. E qual era a vontade de Deus? A edificação de seu templo. Como já sabemos, hoje somos nós o templo do Espírito Santo, a Casa de Deus. Então o que quer dizer edificar a Casa de Deus em nosso tempo? Significa mais que qualquer coisa, ser Casa de Deus. Muitas vezes começamos a nos ocupar demais com nossa própria vida. Adornamos lindamente nossa casa, nossa vida pessoal, enquanto o projeto de Deus vai sumindo. A vitória já começou pra nós, mas não podemos nos empolgar e esquecer que precisamos ser templos edificados, fundamentados em Deus, em obediência à sua Palavra (#Mt7.24,25). Assim não extinguimos o Espírito de nós (#1Ts5.19, #Sl51.11).

Edificar a casa é então, trazer à memória e à prática, sua Palavra, propósito e ordenanças. É deixar que Aquele que em nós começou a boa obra a complete #Fp1.6.

É estar firme nEle, a Pedra Angular, de esquina, é ser o Zorobabel que se levanta com um prumo (sim, aquela ferramenta que ajusta as medidas) para que a glória da segunda casa seja maior que a da primeira #Ag2.9.


Aplicai o vosso coração aos vossos caminhos. #Ag1.7

Ósculos santos,
Iky Fonseca

Workshop de Solteiros³ - Participe!
sexta-feira, 13 de setembro de 2013

O beijo é a enzima que catalisa a reação?!

Em química, quando vamos estudar velocidade da reação se diz que é liberada uma enzima que diminui a energia de ativação. Você pode tá se perguntando:

- Sim, e o que isso tem a ver com o blog? oO

É simples! Segundo termos químicos a reação ocorre com ou sem a enzima, mas o fato é que sem a
enzima um processo de segundos poderia durar horas ou dias. Bem, hoje dentro do meio cristão a questão do beijo (na boca, ou beijo íntimo, como queira) é um pouco polemizada. Alguns dizem que é pecado, os que defendem a corte, mas os que são contra esse tipo de compromisso dizem que isso não tem nada a ver. Eu sou a favor da corte desde que seja uma ESCOLHA do casal, e não uma imposição eclesiástica ou de ordem familiar.

Antes de começar a namorar sempre pensei que se meu namorado me propusesse uma corte, aceitaria. Acho uma prova de amor! Hoje “encontrei” meu príncipe, e a gente não faz corte. Mas temos cuidado e vigilância porque sabemos que somos fracos, e que se estamos de pé é porque o centro do nosso relacionamento é Deus #IICo12:05. E quando nos falta sabedoria, clamamos a Ele #Tg1.5.

Um relacionamento conforme as ordenanças de Nosso Pai não é fácil! Somos tentados a todo o momento, mas sabemos que a recompensa que vem de Deus é a melhor bênção que podemos desfrutar #Tg1.12.

Voltando ao exemplo inicial do texto, alguns pastores e líderes dizem que o beijo é um tipo de catálise do sexo, eu particularmente acho que o ato sexual não está no momento em que os corpos se tocam, mas sim em pensamentos. Porém, todos sabem que temos diversos hormônios que atuam em nossos corpos, e contra a ação deles não há armas, mas a santidade do namoro começa em nossos corações, enxergar que o nosso namorado(a) é antes de tudo #TemplodoEspíritoSanto é essencial, cuide bem do seu Amor! #ICo6.19-20


Não acione uma catálise, espere o tempo certo da reação! #Ec3

Por Isabelly Santos
domingo, 8 de setembro de 2013

Vida de solteiro


Bem sei que este termo para alguns parece mais um filme de terror, esses dias me chamou atenção alguém comparando o mesmo, ao famoso estigma “vida de cachorro”. Pode até parecer engraçado, mas no fundo não o é nem um pouco. Comecei então a refletir sobre o assunto e cheguei a uma triste conclusão, no nosso país infelizmente ser solteiro na maioria das vezes está relacionado a um peso, uma condenação, é quase um carma.

Então no momento de maravilhosa nostalgia, fui levada por Deus a minha juventude, nos tempos de solteira, sentimento? Que delícia, graças a Papai, nesse tempo descobri uma coisa, a beleza de esperar no Senhor, não só esperando, mas sim curtindo tudo que a vida pode proporcionar. O casamento feito na direção e na presença do Pai é algo de fato fascinante e indescritível, mas curtir tudo que a vida de solteiro todo-abençoado tem para te oferecer não tem preço.

Fase linda da vida é a nossa adolescência-juventude, maior comunhão com a família, maior tempo dedicado
aos interesses de Papai, fazer da igreja sua casa no fim de semana, sair com os amigos depois do culto, nem que seja só para tomar um picolé, fazer nada, é só para estar juntos, sem ter hora para chegar, estudar sem ter hora para ir dormir, sem pensar que tem alguém sempre esperando por você e às vezes te cobrando mais e mais tempo ou que os deveres domésticos e profissionais te gritaram no outro dia bem cedo. Andar de bicicleta com um bando de amigos loucos por Jesus e por você, os quais fazem você rir do nada e vivem te chamando de palhaço.

Quero deixar claro aqui, como já foi dito, casar é maravilhoso, vivo a experiência há cinco anos, não me arrependo e sei, não me arrependerei jamais. Mas se tem uma coisa a qual também não me arrependerei jamais é o fato de ter me apaixonado por Deus e pela vida que me deu, vivendo-a com toda intensidade, responsabilidade, aprendendo com os erros e o mais importante sendo feliz no meu presente enquanto Ele preparava um futuro tão belo quanto o presente vivido. Creia, Ele tem um futuro de beleza inimagináveis para você, tenha um presente a altura desse futuro, seja feliz e não se lamente por nada, tudo tem sem teu tempo e cada tempo a sua beleza!

Nil Silva
sábado, 7 de setembro de 2013
Tag :

Workshop de Solteiros³ - Templos do Espírito Santo #restauração

Após setenta anos na Babilônia, o povo de Deus finalmente voltou, em três etapas, para sua terra. A primeira delas foi liderada por Zorobabel, líder de Judá, o qual após ter ouvido a mensagem de Deus, junto com Jesua, o sacerdote, e com seus irmãos, levantou-se para edificar o altar (Ed 3.2). Isso é importante: a restauração começa pelo altar. Na condição de templos do Santo Espírito, o nosso altar é nosso coração, o lugar da adoração e do sacrifício.  É necessário que o nosso altar esteja restaurado, é aí que inicia a obra regeneradora do Espírito - de dentro para fora.

São diversas as coisas que podem danificar, quebrar esse altar. O pecado, certamente é a principal delas. Contudo relacionamentos falidos, sonhos frustrados, toques indevidos, violências diversas, ausência de respostas também podem deixar um coração partido. E Deus quer começar a restauração do templo.
Em #Ed3.3 diz  “E firmaram o altar sobre as suas bases”. Segundo coisa: é necessário colocar as bases. Logo, pressupõe-se que havia do anterior já foi removido, pois agora se começa tudo de novo, do zero. E quem é a nossa base? Cristo, a pedra angular #Ef2.20. NEle, e somente nEle devemos nos apoiar, entendeu? O recomeço nunca é fácil. Retirar o que é velho doi. É preciso enfrentar, encarar, remexer em feridas. Mas é libertador. A Graça é libertadora. E ela nos basta. O poder de Deus se aperfeiçoa em nossas fraquezas #2Co12.9 #Zc4.7. Ow glória!


Restaurado o altar, Zorobabel e os sacerdotes começaram a lançar os alicerces do templo #Ed3.10-13. E enquanto o povo jubilava de alegria, os mais velhos se lamentavam e choravam de modo que não dava pra distinguir as vozes de alegria e tristeza. Eles lembravam da glória da primeira casa, e choravam a respeito disso. O que aprendemos? Se ficarmos olhando para o passado, com o coração lá, não compreenderemos o que Deus está fazendo nesse novo tempo. Ele disse através de Zacarias que o povo se alegraria através do prumo na mão de Zorobabel, que não era pela força do homem, mas por Ele mesmo. E que não se devia desprezar o dia das coisas pequenas #Zc4.6-10. Ei, pode parecer pequeno, mas é o agir do Espírito de Deus! E é nas coisas pequenas que Deus alegra o nosso coração e vai nos preparando para as grandes surpresas que tem para nós.

Com ósculos santos,

Iky Fonseca


Workshok de Solteiros³ - Inscreva-se!
Templos do Espírito Santo 
#restauração #edificação #santificação


sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Workshop de Solteiros ³ - Templos do Espírito Santo



Acaso não sabem que o corpo de vocês é santuário do Espírito Santo que habita em vocês, que lhes foi dado por Deus, e que vocês não são de si mesmos?

Vivemos na era do sexo. Hoje quase tudo tem uma apelo ou uma conotação sexual. Se é a propaganda de um perfume, tem por alvo a sedução. De carro, igualmente. Se é de cerveja, apela-se para a promiscuidade. A garota mais popular é a mais sexy, e "o cara" o que pega várias meninas. Na roda de bate-papo o assunto é o mais frequente. Nas piadas então, o "tema" aparece de várias formas.

Falar em santidade do corpo em nossos dias é confrontar. Confrontar as ideologias de uma geração que considera normal toda e qualquer forma de atividade sexual, em que a única coisa considerada tabu é esperar para fazer sexo apenas no casamento. Confrontar a si mesmo, com a verdade de um evangelho genuíno. Confrontar a nossa carne - diariamente.

Deus chama nossos corpos de templos, lugar de sua habitação, como dom dele. Não apenas um lugar de sua visitação, mas sua propriedade. Puxa, isso é lindo... Mas Ele, como bom proprietário, zeloso que é, quer fazer ajustes nesse edifício. É para isso que Ele nos chama nesse Workshop de Solteiros³, para a #restauração #edificação e #santificação. Ao longo das próximas 3 semanas compartilharemos um texto sobre cada um desses subtemas. Leia, medite e deixe o Senhor fazer a boa obra em você. Nos basearemos na restauração do povo de Israel após o regresso da Babilônia. Um resumo da história é contada no Livro de Esdras. #medite

Para saber mais sobre o evento e como se inscrever, clique aqui.

Ósculos santos,

Iky Fonseca
terça-feira, 3 de setembro de 2013

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons