quinta-feira, 14 de maio de 2015

Isso não é adoração. Isso é barganha. Ou melhor, tentativa de barganha, porque Deus não precisa disso. Deus não precisa que você o adore. Deus não precisa que você glorifique. DEle já é o poder, a honra e a glória, como dizemos na oração do Pai Nosso (Mt 6.13). Já ouvi várias vezes a frase do título e... (emoji bravo). Ainda tem aqueles que dizem que quando você adorar um "terremoto" vai acontecer. Não necessariamente. Tenho certeza que nas outras vezes (além de At 16) que Paulo foi preso, ele também adorou, contudo isso não fez acontecer terremotos em cadeia (não era intenção o trocadilho).

Pior, ouvi estes dias: "este louvor que eu vou cantar agora tem direção certa!" Era pra ser pra Deus, né não? Músicas motivacionais podem reafirmar mensagens de fé e edificar a vida de irmãos, ok! Mas não acho que sejam louvores. Louvor é pra Deus, e muitas canções "gospel" e afins são voltadas pra nós mesmos. Não falo de canções que são verdadeiras orações cantadas. Essas tem meu respeito (como "Oração" dos Arrais, ou "Oração da madrugada" de Daniel Sales).

Esses dias ouvi uma pessoa dizer: "Adora, porque aquilo de que Deus mais se agrada é de sua adoração." Eu, chata, bereana de "defeito" de fabricação, fiquei cá pensando com meus botões de que tipo de adoração ela estava falando, e meditando em Amós 5. Será que realmente Deus se importa mesmo tanto assim com nossos cânticos e expressões de louvor? Claro que Ele se agrada, claro que Ele deseja isso e nos ensina a fazê-lo por toda a Bíblia com todo nosso corpo, forças, entendimento, coração etc. etc., mas estou certa de que não é isso que Ele mais se agrada. 

Por meio do profeta Amós, Ele disse que o louvor do povo era como barulho aos ouvidos dEle (vs. 23), e nem se agradava daquelas ofertas. O que Deus queria mesmo era justiça e misericórdia, que aquele povo não estava tendo.

Também não é adoração que Ele procura. Adoração não lhe falta no céu. São serafins (Is 6), seres viventes (Ap 4.8), anciãos (Ap. 4.4) exaltando o Senhor sem parar! - Deus busca adoradores. Deus não anseia por sua adoração, Ele quer você. (Quem pode entender um amor tão grande assim? *_*) 

Sua adoração não muda a Deus, nem muda os intentos dEle. A adoração muda você (pois enquanto adoramos somos constrangidos por seu amor e santidade - quando penso em adoração, penso em comunhão com Deus; é impossível que isso não te transforme)! Não é porque você glorifica que Ele vai te abençoar. Na-na-ni-na-não. Ele te abençoa porque Ele é bom. Deus não é o que é por aquilo que Ele faz, mas faz o que faz por ser quem é. E porque Ele é quem Ele é que nós deveríamos o Adorar. Em suma, a ordem das coisas é essa: Deus é e por isso O adoramos. 

Quer ser abençoado? É simples: obedece ao Pai e as bençãos te alcançarão (Dt 28). Volte sua atenção pra quem Ele é e tenho certeza de que o que menos vai importar neste momento são suas necessidades e desejos (Mt 6.33).

Pra finalizar (finalmente, rs), deixo um trecho do livro de Myles Munroe (Deus o tenha, rsrs, faz falta aqui):



Ósculos santos,

Iky Fonseca

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons