segunda-feira, 24 de agosto de 2015


Do homem são as preparações do coração, mas do SENHOR,
a resposta da boca.  Provérbios 16:1

Os últimos três anos, desde a minha conversão em julho/2011, têm sido de um deserto sem fim, onde diversas foram as vezes onde me vi perto de um afastamento definitivo da fé, do amor e do próprio Deus como essência da minha vida.  Na última crise que tive, vivi uma situação tão dolorosa e injusta que pra mim nada parecia mais ter sentido, dentro ou fora da presença do Senhor. Tive medo da vida, de ter esperanças e principalmente de ter fé que as coisas melhorariam. No meio desse momento doloroso, acabei me interessando por um “menininho”, e usando as últimas gotas de fé que possuía, pedi que o Senhor me respondesse sim ou não sobre essa questão, e ele me disse NÃO!

 Sinto como se esse NÃO fosse a única resposta clara e quase instantânea que Deus me deu, e com ela tenho me agarrado noite e dia para manter minha fé e meu coração protegidos das aflições desse mundo e setas que o inimigo tem tentado lançar sobre minha vida.  Mas... Em alguns momentos percebo que situações fazem meu coração pensar no “Quem sabe não foi bem isso o que Deus quis me dizer”, tentando tirar de mim a situação concreta que atualmente mais me mantém firme e centrada na presença de Deus. Às vezes eu digo: Senhooor, não quero ver “fulano de tal” e, em menos de 20 segundos, a pessoa aparece na minha frente e dá um nó em meu equilíbrio.

 Circunstâncias banais por vezes são o suficiente para fazer com que queiramos flertar com a dúvida diante das respostas claras que Deus nos dá sobre nossos sentimentos e relações. Nessa hora devemos chamar a Sabedoria de nossa irmã e fazer da Prudência nossa parenta (Provérbios 7: 4), pois é mais que necessário manter nossos olhos e mentes voltados para verdade que já foi semeada em nós, através do Sim ou Não que Deus nos diz em todas as circunstâncias. Não é frieza e muito menos falta de personalidade, manter nossas emoções firmes nos direcionamentos do Senhor é uma escolha racional e prática que nos protege de enganos gerados na teimosia de nossos corações, por vezes imprudentes, que insistem em buscar um “Quem sabe” onde ele simplesmente não existe.

P.S: Essa música me ajudou a organizar meus pensamentos e sentimentos confusos escrevendo esse texto. Certamente ela vai te fazer sentir a necessidade de ter Deus cada vez mais no centro de sua vida:

Vem Me Socorrer – Palavrantiga:



Beijos e Queijos,    Tacila Sousa.

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons