quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Você já olhou pra sua vida e teve a impressão de que as coisas estão atrasadas? Sim? Talvez você ainda não esteja na faculdade, ainda não começou a trabalhar, ou não tem estabilidade profissional, nunca tenha namorado, ou as pessoas no seu contexto estejam te cobrando o convite do seu casamento, ou o momento quando vai sair da casa de seus pais, ou quando vai começar a ministrar na vida de outros. As áreas da vida tem pesos diferentes, pra pessoas diferentes. Mas Deus tem "me perseguido" (como diria uma pessoa que muito me inspira- Iky Fonseca) com a ideia de "atraso pontual", quer dizer, o que parece atraso para nós, está dentro da pontualidade de Deus (sem querer nos eximir das nossas responsabilidades com a pontualidade nos compromissos, negligências que de fato são nossas, ou algo assim, mas reforçando a ideia de que Deus sabe qual o melhor tempo pra tudo.-  Ec 3:1). 

Somos confrontados e nos confrontamos, buscando "por quê o tempo ainda não chegou?". Alguns confrontos são estímulos. Outros urgências que não são nossas (nem de Deus), mas das pessoas a nossa volta. 

Na passagem da ressurreição de Lázaro (João 11:1-44), vemos um contexto parecido, um momento em que pensaram que Jesus estava atrasado, mas ele foi pontual, como sempre.

Talvez algumas coisas tenham morrido dentro de você, estejam sem nenhum sinal de vitalidade, levando ao descrédito dos que acompanham sua história, algo que aos olhos de Deus está apenas adormecido, como aconteceu na história de Lázaro.

Talvez você esteja no momento do velório. Já se permitiu chorar? Jesus se comoveu e chorou mesmo sabendo que Lázaro voltaria a viver logo logo. Dias chorando? Vamos abrir a porta pra alegria. Ela virá pela manhã!! Jesus ama àquela família, Marta, Maria e Lázaro. (Assim como ele nos ama profundamente, imensamente, compridamente. Rs! Ele nos ama!) Mas, ele sabia que a glória de Deus seria abundante através da ressurreição de Lázaro, levando muitos a crerem em Deus. Não há ressurreição sem morte. Tem coisas que precisam morrer em nós, pra que possam reviver pra glória de Deus. Talvez alguns sonhos, que só percebemos buscando a presença de Deus, permanecendo conectados com ele. Tem coisas que precisam morrer e permanecerem enterradas (como desejos que surgem da nossa natureza (Gálatas 5:19-21), porque não glorificariam ao Senhor. Mas que ao morrerem geram em nós, o perfume de Cristo.

Inté!!

Bárbara Uinan

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons