domingo, 7 de fevereiro de 2016

Olá tudo bem? Nesse domingo espetacular você vai descobrir mitos e verdades sobre “manipulação de órgãos”!

Fala sério! Vocês leram com a voz dele? rs. Eu vivo imitando esse cara aqui em casa... Apesar de começar esse texto descontraído o assunto é muito importante!

Bom, desde semana passada Deus tem falado ao meu coração sobre a relação do homem com o pecado. Sabemos que desde muito cedo o pecado assola as nossas vidas.

Lembremos do tempo de criança... Apesar da inocência, muitos de nós cometemos “pecadinhos” durante o tempo de infantes. A mentira é talvez, o pecado principal nessa fase das nossas vidas e com passar do tempo essa mentira pode se transformar em outros pecados. Uma vez eu ouvi dizer que todos os pecados se resumem no furto ou roubo. Quando alguém mente para nós está roubando a verdade da gente e por aí vai...

Quando chegamos na adolescência a curiosidade e os hormônios explodem dentro da gente. Só de ver um filme com a classificação que não podemos assistir ficamos doidos para saber o que tem ali. Sabemos que a maioria dos filmes com classificação indicativa a partir dos 16 anos contém cenas de sexo ou de jovens se masturbando. Mas porque será que cenas como essas são cada vez mais explicitas?

Eu não sei ao certo, mas o mundo anda mal das pernas e essas influências negativas acabam atingindo os nossos jovens e fazendo eles saírem das mentiras por quebrarem um vaso e chegarem a pecados “ocultos”.

O prazer referente ao sexo é altamente estimulante e viciante, o que significa dizer que quando se começa essas práticas dificilmente se para. A comodidade de cometer algo que “ninguém” vê acaba fazendo com que esses jovens, muitas vezes, cometam esse pecado até o casamento.

Para a sociedade, isso não é pecado! Na verdade, nem existe essa conversão religiosa. Mas para nós que conhecemos o poder de Deus sabemos que esse é um problema que pode ainda trazer consequências para um casamento sexualmente saudável.

O começo geralmente vem com os olhos. E a indústria cinematográfica não está nem aí e colocando cenas desnecessárias de sexo ou masturbação. Depois de ver, a curiosidade ferve nas veias e infelizmente muitos acabam pecando contra o seu próprio corpo. E sabemos que quanto mais se estimula mais se vicia e quando se começa um namoro essa prática é refletida algumas vezes.

O termo supracitado no inicio, “manipulação de órgãos” foi usado por Nascimento (2016), resenhas a parte, esse nome bonito no popularzão quer dizer “bater punheta” e afins. Os meninos já devem saber do que se trata. É manipular o seu órgão sexual para a obtenção de prazer. Muitos perguntam se é pecado. Hello! Você de onde? Marte?! Lógico que é pecado! Você simula a consumação de um ato que você não está fazendo com outra pessoa por dois motivos ou por não ter ninguém ou por não suportar a angústia de esperar até o casamento.

Pelo sim ou pelo não, os dois motivos são pecados. Devemos nos manter santos e irrepreensíveis diante do nosso Pai que está no céu (Filipenses 2:15) e lançar sobre Ele toda a nossa ansiedade (1 Pedro 5:7). Sabendo que nosso Deus suprirá TODAS as nossas necessidades (Filipenses 4:19), até mesmo as sexuais!

Isso não é uma regra, mas  geralmente o cara ou a menina que cometem esse autopecado tem tendências de fazê-lo no eventual parceiro(a) ou até mesmo de consumar o ato sexual em si. E sabemos que tem muitos jovens dentro das igrejas que estão passando por algumas dessas situações. 

Eu não estou aqui para julga-los, mesmo por que, como humana posso estar sujeita a cometer alguns desses pecados. Mas estou aqui para pedir para vc que lê esse texto e conhece alguém ou está passando por alguma situação descrita  que ore juntamente comigo, repita essas palavras.

Senhor meu Deus,
Eu quero te agradecer por teu amor, por tua fidelidade e bondade e ainda permanecer comigo.A tua graça me basta e sei que nem meus pecados podem fazer com que Tu esqueças de mim.Pois foi por eles que o Senhor entregou seu filho em uma cruz.
Eu me arrependo dos meus atos e sei que esse arrependimento não é um remorso ou lágrimas, mas sei que é muito mais. É poder de Deus!
Traz, Senhor, uma mudança de atitude e de vida. Que a tua graça me tire das trevas desse pecado,Em nome de Jesus, amém!
 
Orando na certeza que Deus é poderoso para fazer abundante mais daquilo que pedimos ou pensamos e ainda mudando as nossas atitudes. Não adianta orar e não se esforçar para mudar. O arrependimento é mudança de vida! Oração

Isabelly Santos

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons