quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Ao tomar uma decisão, é muito comum orarmos (e prudente também!) e muitos têm o hábito de pedir "sinais" a Deus sobre fazer isso ou aquilo. 

Primeiro preciso que você saiba que não estou aqui para dizer que Deus não dá sinais. Se Ele quiser, Ele dá. Ele é Deus! Mas como eu disse, é se Ele quiser! Sim, sei dos casos de Gideão, do servo de Abraão, Elias etc. etc.. Mas como observa muito bem o pastor Heber Campos Jr., esses sinais eram por causa da incredulidade e medo das pessoas e não porque elas estavam cheias de fé (Mt 12.39).

ATENÇÃO! A forma mais prudente de buscarmos direção de Deus para nossas decisões é por sua Palavra e não estou falando aqui de “sorteio bíblico”, mas da contínua meditação nas Escrituras para conhecer seus princípios. Isso vai nos nortear (Sl 119).

Essa prática dos sinais é bem comum quando alguém quer namorar alguém e não foi diferente comigo. Eu gostava de uma pessoa (era meu amigo, mas vi que a amizade virou Pokémon e tava evoluindo, hahaha), mas tinha receio que não fosse recíproco, medo que não fosse da vontade de Deus, nunca tinha namorado ninguém e não queria errar e um monte de coisa. Do outro lado, outro cara super benção de minha igreja gostava de mim há um bom tempo, minha mãe fazia a maior campanha e talz, mas nunca gostei dele.

Então fui diante de Deus pedir sinais no melhor estilo gideônico e... Os "sinais" apontavam para o boy super unção. Apesar dos “sinais” indicarem um caminho, a sabedoria e discernimento pela Palavra, somados à paz de Deus (não a do coração que é enganoso por demais), à benção de nossa família (minha mãe mudou pro lado de cá da força no meio do caminho) e aos princípios do Senhor sendo cumpridos me conduziram para uma decisão que creio ter sido coerente com a vontade de Deus para aquele momento. 

Resumo da ópera: acabei namorando meu amigo e vivemos uma história bem legal que não acabou em casamento, mas que edificou muito a mim e a ele e trouxe muito crescimento pra nós dois. O outro boy casou, mas tive certeza de que ele não era o tipo de pessoa que queria para compartilhar a vida, nós somos muitos diferentes mesmo, incompatíveis.

Não são seus sentimentos que vão te guiar, mas tb não creio que Deus vai querer que você fique com alguém sem desenvolver um sentimento por aquela pessoa. Porém o que quero te alertar é que quando a gente quer muito alguma coisa, parece que tudo é sinal para aquilo. No meu caso com o boy unção foi meio que o contrário, mas sou grata a Deus por ter entendido que os “sinais” eram alarmes falsos, só que mt gente corre por esse erro. 

Cuidado para não espiritualizar demais as coisas e cuidado mais ainda para seu desejo não fazer você ver as coisas conforme sua vontade e você interpretar como vontade de Deus (mesmo que seja usando Deus como desculpa para o não que você quer dar ;) ). Decida com sabedoria e prudência! Peça a Jesus para colocar um lodinho nas suas vistas e enxergue à luz das Escrituras.

“Sábia decisão é decidir amar.” (Marcela Taís)

Ósculos sinalizadores,

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons