quinta-feira, 7 de abril de 2016

Fazia tempo que não se apaixonava, então começou a lembrar de como era bom simplesmente estar de mãos dadas. Na verdade percebeu por bem menos: a lembrança de um toque leve já a deixava arrepiada. O cheiro impregnado nos trajes da memória e os gostos nas fantasias de um futuro que haveria de vir.  Retomou o prazer por conversas longas e intermináveis em troca de sonos mais curtos e prorrogáveis. Sorriso fácil, ora largo, ora quase disfarçado, e um batimento rasgado, pulsação frenética em todas as veias do corpo.  A brevidade das horas dos encontros feita menor pelos minutos tão esparsos das distâncias. Sua memória curta captava e registrava com exatidão palavras e cenas de amor semi-aparente e repetia-as ad infinitum. Seria uma estratégia para não perdê-las? Na dúvida, melhor recorrer às memórias externas dos velhos diários. Letra após letra, quase códigos, entre corações ela deixava marcada à caneta os episódios de uma história cuja esperança é não ter fim.

Êêêêêêêêêêê paixão... (quem mora na Baêa leu na entonação certa rsrsrsrs!) Pois que não é assim? Quem nunca sentiu os sintomas acima não sabe o que é se apaixonar... Ai, admite, você sabe!

Ouvi um sermão certa vez (não lembro de quem, nem o nome, sorry =/) que apontava a paixão como a maior disciplina que existe. Ninguém é disciplinado como um apaixonado. Ele não falta encontros (ele cria encontros!), ele se doa integralmente, ele anseia ver, anseia estar perto, anseia conhecer mais e ser cada vez mais íntimo. Ah, a paixão... Me lembra uma velha canção:

Quero me apaixonar por Ti outra vez, quero me entregar a Ti mais e mais, Senhor, leva-me de volta ao meu primeiro amor!

Sim, "tenho saudades de Ti"! "Acende um fogo em meu coração que eu não possa conter, não possa controlar..." Quando vivemos o primeiro amor estamos tão derretidos por Jesus que desejamos tanto que tenha culto naquele dia! E sentimos saudades do lugar secreto. Ficamos pensando em suas palavras de vida eterna várias vezes no dia e acabamos falando dEle pra todo mundo ao nosso redor porque é dEle que nosso coração e pensamento está cheio... É tão lindo! É tão espontâneo! É tão puro! <3 #suspiros

Como numa relação de casal, não é sem atenção que mantemos a chama do amor acesa, mas sinceramente Ele espera que não deixemos o primeiro amor. Ele realmente é contra isso! (Ap 2.4-5) Por isso hoje Ele nos convida a voltar e a suspirar outra vez. A viver aquela disciplina que supera em muito as dos religiosos, sobrepujando em tudo aquilo que é exigido pelos costumes. (Lc 7.36-50) Uma adoração intensa e constante que faz tudo em nós vibrar!

E quanto mais em penso em quanto isso é lindo, em como sua Palavra é maravilhosa e em como somos indignos e mesmo assim como somos amados, só posso dizer que I fell in love again and again...


Ósculos apaixonados,
Iky Fonseca #inlove #4ever #Jesus <3 <3 <3

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons