quarta-feira, 4 de maio de 2016

Miserável homem que eu sou! Preso ao pecado necessitado de bondade e amor, homem de lábios impuros incapacitado de mudar porque minha natureza é pecaminosa onde o medo me domina e não encontro forças para mudar, estou perdido os meus caminhos não são agradáveis, os meus passos cada vez mais me afunda não existe mais salvação para minha vida não existe mais perdão para os meus pecados não consigo mais me perdoar e não sou digno de perdão.


Muitas pessoas se sentem assim, acham que não existe perdão para elas dominadas pelo pecado, pela concupiscência da carne seguem em um caminho de condenação onde seus olhos estão fechados. Pessoas dominadas pelos grilhões do pecado, o apostolo Paulo vai tratar isso na luta entre a carne e o espirito onde ele vai dizer “porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse faço” (Romanos:7,19). Ah então está explicado o porquê das minhas ações... ei ei calma aí não é bem assim que funciona isso não quer dizer que devemos ser relaxados e viver uma vida de práticas que desagradam a Deus.

O que está sendo tratado aqui é que a nossa natureza ela é pecaminosa e sempre vamos ser tentados a fazer o que é desagradável ao Senhor, mas vontade não é fazer, somos responsáveis pelos nossos atos, somos tentados pelas nossas próprias cobiças na carta de Tiago ele diz “cada um, porém, é tentado pela sua própria cobiça, sendo por esta arrastado e seduzido” (Tiago:1,14). Essa luta interior contra o pecado foi tão real para o apostolo Paulo como é atualmente para nós e podemos ver isso mais a frente quando ele diz “miserável homem que eu sou! Quem me livrará do corpo desta morte” (Romanos:7,24). Todas as vezes que se sentia perdido, ele lembrava a origem de sua vida espiritual e lembrava que já tinha sido liberto por cristo (Romanos:7,25).

Quando se sentirem confusos, distantes de Deus, oprimidos por causa do apelo do pecado quando vocês pensarem que não existe solução e que tudo se tornou escuro lembre-se que Cristo é aquele que pagou o preço por todos os nossos pecados e que agora não vivo mais eu mais Cristo vive em mim, lembrem-se que ele é a nossa luz, nossa esperança, porto seguro. Sejam fortes e valentes não se deixem se desanimar agradeçam a Deus por ter lhe dado a liberdade por intermédio de Jesus Cristo não sejam escravos do pecado mais sim de Cristo. Deixem que o poder de Cristo os leve para uma grande vitória.
Mateus Lino

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons