quarta-feira, 22 de junho de 2016

Uma pergunta estava pairando na cabeça daqueles serumaninhos. Não sabemos quanto tempo levaram até finalmente se aproximarem do mestre para questioná- lo, sabemos apenas que houve coragem para a pergunta. Uma pergunta que nos deixou grandes ensinamentos. 

Então, a pergunta foi lançada: "Quem é o maior no Reino dos céus?"

Qual a intenção deles com a pergunta? Entender a hierarquia celestial? Saber em que patamar estavam? Qual seria o maior entre eles? Entender como chegar ao nível mais elevado que podiam no Reino de Deus? 

Antes de responder a pergunta, Jesus chamou uma criança e a colocou no meio deles. Ele poderia apenas ter mencionado a criança, mas é possível que ele a colocou na frente dos discípulos, para que pudessem visualizar o exemplo. Ele chamou a criança e ela atendeu o chamado de Jesus, obedeceu.

Olhando para uma criança não enxergamos um exemplo de autoridade, de poder, de força, de sabedoria, de conhecimento. Pelo contrário, notamos dependência da autoridade de outros, da permissão, da proteção, da força, da sabedoria, do conhecimento, da provisão- um ser dependente, assim como nós somos de Deus. Imagine aquela criança no meio de um monte de marmanjos e Jesus dizendo: 

"Eu lhes asseguro que, a não ser que vocês se convertam e se tornem como crianças, jamais entrarão no Reino dos céus. Portanto, quem se faz humilde como esta criança, este é o maior no Reino dos céus."Quem recebe uma destas crianças em meu nome, está me recebendo." Mt 18:3-4 

Jesus sinaliza pra eles que ainda não tinham entrado no Reino. Ele mostra uma condição à eles (e a nós), um passo que precisariam dar para serem transformados, algo a buscar para entrarem no Reino: ser como crianças- humildes, dependentes em tudo do Pai. Mostra também que no reino dos céus, "os grandes" são como crianças.


Mas, olhando pra Jesus, e pro Reino de Deus, quem é o maior no Reino dos céus? O próprio Jesus- o Rei dos Reis, o Senhor dos Senhores. No entanto, ele não disse a eles naquele momento que É o maior. Pois, "embora sendo Deus, não considerou que o ser igual a Deus era algo a que devia apegar-se; mas esvaziou-se a si mesmo, vindo a ser servo, tornando-se semelhante aos homens. E, sendo encontrado em forma humana, humilhou-se a si mesmo e foi obediente até à morte, e morte de cruz! Filipenses 2:6-8

Poderíamos dizer que Jesus se mostrou como criança? Ele esvaziou- se a si mesmo, vindo a ser servo, tornou- se semelhante aos homens..., humilhou- se, e foi obediente até a morte e morte de cruz! Embora ele não tenha dito para os discípulos naquele momento que ele É o maior no reino de Deus, mostrou com o seu exemplo como ser como criança, esvaziando- se a si mesmo.

"Quem recebe uma destas crianças em meu nome, está me recebendo."Mt 18:5

As crianças também são representantes de Jesus. Quando nos tornamos humildes como crianças, nos tornamos mais parecidos com Cristo. 

Que o Senhor Jesus nos dê poder por meio do seu Espírito para sermos como crianças.

Com amor e temor,

Bárbara Uinan

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons