quarta-feira, 8 de junho de 2016

Quantas vezes em nossas vidas fomos confrontados com a necessidade de mudanças, de pequenos e grandes recomeços?

É possível que as coisas sejam refeitas? Que pessoas e realidades mudem? Será que Deus não pode nos refazer assim como um oleiro refaz um vaso que se estraga em suas mãos?

Sabemos que sim, que as pessoas e realidades sociais podem mudar. Mas, como?

Esta é a palavra que veio a Jeremias da parte do Senhor:“Vá à casa do oleiro, e ali você ouvirá a minha mensagem”. Então fui à casa do oleiro, e o vi trabalhando com a roda. Mas o vaso de barro que ele estava formando estragou-se em suas mãos; e ele o refez, moldando outro vaso de acordo com a sua vontade. Então o Senhor dirigiu-me a palavra: “Ó comunidade de Israel, será que eu não posso agir com vocês como fez o oleiro?”, pergunta o Senhor. “Como barro nas mãos do oleiro, assim são vocês nas minhas mãos, ó comunidade de Israel. Jeremias 18: 1-6

Nessa passagem lembramos da nossa fragilidade: Deus nos formou do pó da terra, e Ele lembra- se que somos pó- seres de carne e osso. Mas lembramos também do poder de Deus, da Sua capacidade de refazer, de restaurar as nossas vidas completamente. Assim como um vaso de barro é muito frágil nas mãos do oleiro, de modo que ele pode tanto refazê- lo quanto destruí- lo assim somos nas mãos de Deus. O que será de nós se dependermos apenas de nós mesmos para sermos aperfeiçoados, para vivermos a semelhança de Jesus? Assim como o oleiro está habituado a refazer vasos, Deus está em refazer vidas, cidades, nações. 

O Senhor trouxe essa palavra ao profeta Jeremias, com o intuito de levar aquele povo ao arrependimento, para que eles deixassem uma vida de práticas pecaminosas e voltassem a obedecer a Deus. Para que voltassem a ser conduzidos pela voz dEle, por seus ensinamentos, pelo seu Espírito.

Quantas vezes já fomos chamados ao arrependimento? (Inúmeras.) 

Mas, se hoje temos consciência que é necessário nos arrependermos sobre algum aspecto em nossas vidas que ainda não foi falado com Deus, que nosso coração não venha a se endurecer, mas que venhamos a nos lembrar da nossa fragilidade, do quanto dependemos do amor de Deus, e assim como o barro, possamos ser maleáveis nas mãos do oleiro, e nos arrependermos mais uma vez.


"Por essa razão é que se afirma: “Hoje, se ouvirdes a sua voz, não endureçais o vosso coração, como ocorreu na rebelião”. Hb 3: 15

Com amor e temor,

Bárbara Uinan

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons