domingo, 2 de abril de 2017



Estive refletindo sobre a condição humana em que vivemos. Diante da fé e da cultura as vezes não sabemos nos posicionar, as vezes caímos no engano de ser religiosos e outras vezes de libertinos. Mas a fé exige de nós equilíbrio e a razão também requer fé. O problema que a fé no transcendental é mais difícil de ser expressada. Isso todos nós sabemos, mas você já se perguntou o porquê de tudo isso?

Bem, eu tive oportunidade de estudar em um bom colégio da minha cidade e os professores sempre se mostraram crentes em Deus ou pertencentes a alguma religião. Quando estava na época de embarcar no ensino superior, alguns amigos cristãos me questionaram acerca de eu estar realmente pronta para o ambiente acadêmico. Sem hesitar me achava pronta, o que eu poderia esperar de ruim de um ambiente com tanto conhecimento?

Sei que cada pessoa apresenta sensações diferentes em diferentes meios. E eu já ouvi muita gente que questiona os cientistas (das ciências exatas) em relação ao seu ceticismo. Mas hoje eu vejo pessoas mais ateias no meio das humanidades. O humanismo foi o responsável por tirar  Deus da centralidade da vida humana. Isso pode apenas ser uma opinião rasa acerca de um assunto bastante denso, mas eu acredito que quando a igreja tinha um certo poder sobre o conhecimento científico é como se os postulados e teorias servissem para corroborar a glória de Deus em todo cosmos. 


Acredito que não seja em vão que a maioria da tecnologia que temos hoje seja oriunda dos estudos desenvolvidos por Cristãos e financiados pela igreja. De maneira nenhuma quero dizer que só cristãos são inteligentes, mas quero afirmar que a ciência e a fé não são coisas destoantes, na verdade elas andam bem próximas. Mesmo porque para fazer ciência você precisa ter fé que ela é verdade, mesmo podendo ser refutada. Aí temos de novo o problema. Crer não é difícil, complicado para alguns acreditar em Deus.

Mas voltando o assunto, quando as ciências humanas ganharam um boom começou a questionar-se a sobre a centralidade de Deus na vida do homem e então começou a ver as ciências como: física e astronomia como coisas inversas a fé e a bíblia. Deus não poderia ter criado ao mundo através do Big Bang? Ou porque eu sou cientista e não posso acreditar que foi o meu Deus criou todas as coisas de acordo com leis que foram traçadas por homens e que na verdade são apenas aproximações aritméticas?

Ainda preciso amadurecer meu pensamento sobre tais questões e muitas outras, mas para findar essa pequena reflexão quero dizer que você pode pensar ciência e crer em Deus. Para de olhar sua vida como várias caixas, como coisas dissociadas. A vida cristã é muito mais que isso.
Até logo, 

Isabelly Santos

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons