domingo, 9 de abril de 2017


Toda vez que eu ia à praia, seja com meus pais, tios, em ônibus a caminho de algum retiro da igreja, passávamos por uma universidade (a Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC) e eu sempre dizia, “irei estudar ai”. Sempre brinquei disso. O que eu não sabia é que com esta brincadeira, talvez ingênua, estava profetizando para mim mesmo um pleito nesta instituição de ensino.

O ano foi 2013, a notícia chegou num momento em que eu não esperava através de uma colega de trabalho que viu um print de um amigo dela no facebook, com a lista de aprovados no curso de História. Abaixo do nome dele, tinha o meu. Que sorte! Quis o destino. Não, na verdade, foi Deus. Então lá fui eu, dias depois indo para o primeiro dia de aula. Tudo novo. Feliz, lembrava (e até hoje lembro) dos dias em que eu passava pela porta da Uesc e dizia que um dia estudaria lá.

Se tivesse uma dica que eu daria para aos aventureiros de primeira viagem numa graduação eu diria: aprenda a remar neste mar de oportunidades, quando cansado (a), simplesmente deite na prancha e olhe para o céu. Nade sempre trajado de um colete salva vidas para que você não se afogue. De hipótese alguma se desgarre dele porque este colete é Deus, Ele não permitirá de nenhuma maneira que você submerja nas águas.

Aproveite. Não se pressione demais, não exija demais de você mesmo. Aproveite o espaço físico, os seus colegas e os bons amigos que sairão de lá. Jogue bola, jogue vôlei, sei lá, se divirta também. Esteja sempre vigilante. Vá à biblioteca, ela é sua; use e abuse dela e não se canse de pegar livros. 

Chegará um momento que parecerá que nada dará certo, que o tempo é curto e que a “casa irá cair”, mas mantenha-se tranquilo (a), lembre-se: você tem um colete salva vidas; faça sua parte, não saia dos trilhos, tudo dará certo e no momento certo.

E se você me perguntar: “Samir, como você fez para selecionar o que queria ler entre tantas as possibilidades?”, eu darei um suspiro, me recordarei momentos vividos e com imensa alegria, direi: “toda vez que eu procuro pra mim algo pra ler, ouvir, olhar e dizer, o Senhor sabe o que eu quero”.

Samir Santana 

Quem somos?

Jovens que escolheram a santidade para todas as áreas de suas vidas, inclusive para os relacionamentos. Acreditamos que a família é um projeto tão importante que devemos investir nele antes mesmo do namoro e do casamento.

+ lidos da semana

Tecnologia do Blogger.

#novembroazul Seja macho e se cuide, man!
Textos e logomarca do Workshop de Solteiros sob Licença Creative Commons Não-comercial 4.0 Internacional . Workshop de Solteiros Blogger - Designed by Johanes Djogan
Licença Creative Commons